sexta-feira, 13 de abril de 2012

Bipolar : vivendo vidas diferentes ^^


Eu amo meu pai, amo minha mãe, amo meu irmão, amo minha família. Mas não sei se eles sentem o mesmo, pois tenho muitos problemas, e também sou uma pessoa desagradável, eu sei, mas não posso mudar isso, isso é o que eu sou, mas de mentira. Eu não posso mostrar quem eu sou de verdade, uma pessoa deprimida, atordoada, confusa e sensível, se eu me mostrar assim, eu não teria ninguém. Não é muito diferente agora, bom, as pessoas me aturam pela pessoa que eu finjo ser, mas, se eu fosse quem eu sou de verdade, minha vida seria muito pior.... (vocês entendem) uma vez contei pra minha amiga que eu me cortava, ela disse que eu podia ficar doente mental e eramelhor eu parar com isso, depois eu neguei tudo, e disse que eu só estava brincando, mas, ela ficou desconfiada, eu senti naquele momento que ela teve um pouco de medo de mim, eu....eu poderia perde-la, então, uso uma máscara para poder ter uma vida social aparentemente normal. Eu não sei, eu sou tipo assim, Bipolar, na escola (sim, ainda estou cursando o 3°ano do ensino médio, sou reprovada) no trabalho, eu sou a menina alegre, que faz piadas e conversa com todos. Na frente dos meus pais, eu sou a menina que finge que escuta com atenção ás broncas da mãe (levo broncas ainda, muitas, todo dia) e que discute com o pai, tipo uma rebelde, mas também que tem medo de ultrapassar os limites e, o pouco amor que minha família sente por mim, pode acabar. Mas na ausencia da minha família, posso ser quem eu sou de verdade, posso ser eu mesma, a menina que tem profunda depressão por não ter o amor, apoio, carinho e atenção da família desde os 10 anos de idade. A menina que as vezes se anima quando se imagina magra, feliz......mas também a menina que depois que estraga suas dietas, sente uma profunda culpa por ter fracassado, profunda dor, profundo medo de si própria, e tudo isso resulta numa profunda depressão, onde me corto, choro muito, me machuco, mas não adianta, já é tarde demais, se não der tempo de recorrer à mia, tudo piora.....você tenta se matar de vários jeitos, só que o jeito mais rápido com certeza você não tem coragem, ou seja, enfiar uma faca em si mesma, bem no coração, sem dó nem piedade. Mas eu sei por que não temos coragem, por que no fundo, bem no funfo, ainda há uma esperança, é isso que te da coragem para recomeçar uma nova luta, de novo, na busca pela perfeição. Não é a Anna que traz problemas, pelo contrário, ela tenta te tirar dos seus problemas, é óbvio, se ser magra é ser perfeita, ser magra resolve tudo.

13 comentários:

  1. Amor, ja to seguindo teu blog, adorei mesmo, ok? obrigada pela força no blog, beijos, se cuida.
    Força.

    ResponderExcluir
  2. No meu caso eu me mostro feliz se não minha mãe me xinga, me bate, grita comigo, então não tem outro jeito. Acho que um bom jeito é escrever por aqui mesmo, ter o apoio das meninas, porque na vida real não funciona dessa maneira. Eu tinha um amigo que desabafava de vez em quando, ele não sabia nem metade dos meus problemas, mas ajudava um pouco. Acho que assustei tanto ele que agora não nos falamos mais, uma pena. Nessas situações, desabafar ajuda um pouco, embora não chegue perto de resolver.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade flor, assim como nos julgam por sermos gordinhas, nos julgariam se soubessem o q fazemos p tentar emagrecer, diriam q a Anna é uma doença e tals, então, só podemos confiar em nós mesmas, e em outras Annas q te apoiam. bjão linda ! :D

      Excluir
  3. Oi flor
    Eu tb finjo ser uma pessoa que não sou só para não ficar sozinha(meu maior medo)Eu acho melhor vc fingir q não acontece nada com vc,que vc só é mais uma menina-moça normal,pq se descobrirem nunca mais vc vai ter paz as pessoas vão te olhar diferente e isso não é legal.Eu faço cortes mas depois me arrependo,por causa do medo que eu sinto que alguém veja,eu odeio quando alguém vê e pergunta "que isso" e eu sempre falo a mesma coisa "foi meu gato pq"?(capaz que um gato vai fazer uns cortes daqueles)Amor não é assim não viu espera o dia em que vc ficar magrinha vc vai sentir mais dor,depressão,quem faz vc sentir tudo isso é a Anna/mia e o fato de vc não se aceitar gordinha(tb não aceito de forma alguma)eu só não me matei tb porque eu tenho esperanças vivas ainda...
    Flor eu gostei muito do seu blog e espero te acompanhar até o fim da sua caminhada viu?beijos flor
    (não sei se deu para vc entender oque eu escrevi aí pq eu tô mô cansada)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. entendi sim linda, obg pelo conselho, é assim mesm, tbm tenho muito medo de ficar sozinha. por isso, temos que mentir pra quem nós amamos. bjão flor ! :D

      Excluir
  4. E amor se vc quer a Ana vai te ajudar sim
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi, florzinha, recém criei meu blog também, passei aqui pra te dizer que estamos juntas nessa, sei o quanto a gente precisa de força. Me identifiquei bastante contigo e, qualquer coisa, sou super disposta a conversar!
    Um beijo, guria!
    minhaqueridamia.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda é claro q tua familia te ama! mas vc precisa demontrar seu amor por eles tbm... e a magreza nao resolve tudo... a ana é so uma disculpa para mantermos o controle sobre alguma coisa...Se nao consegue resolver toda essa situação sozinha... proucure ajuda...Bjão da Alê

      Excluir
    2. obg minhas amores ! gostei do seu conselho Alê, eu não acho exageradamente mesm q a Anna resolve tudo, acontece q eu estou há muito tempo tentando atigir o meu objetivo, ou seja, ser magra, já estive várias vezes no peso ideal mas, nunca estive completamente linda, ou seja, sem "pneuzinhos" rsrs. eu meio que comecei a fazer certas loucuras pra ficar magra quando, as meninas da minha escola ficavam brincando com a minha banha ! e sim, elas se diziam minhas amigas !! haha. eu sei q eles me amam, só que como eles não demonstram, tipo assim, tbm nao consigo demostrar. Bjão flor ! :D

      Excluir
  6. Linda pode contar comigo.
    Nunca somos a mesma pessoa, com os pais uma, com os amigos outra e sozinhas somos muito diferentes!
    Beijos e forças!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBG FLORZINHA !! pode contar comig tbm viu !! bjao to sempre akii :D

      Excluir
  7. Não pense que ser magra resolve tudo!Ser magra não vai mudar as pessoas a sua volta, talvez mude seu modo de pensar, para pior!
    Eu nunca conto pro meu pai sobre como eu realmente me sinto, porque toda vez que eu tentei ele não acreditou, ele sempre acha que é minha culpa, que eu sou assim porque quero, então eu finjo.Entendo você.Mas só tem um jeito de resolver isso: conversando.Vá abrindo um diálogo com seus pais, se aproximando mais deles, mostrando que eles podem confiar em você e que você precisa deles nesse momento!
    Fique firme!Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OWN MINHA LINDA, obg pelo seu conselho. não sofro muito pela Anna (obviamente pq eu não sou anorexica, estou longe ser isso) é mais mesmo pela minha familia, bom, eu tenho um irmão mais novo, e não tenho atenção dos meus pais, sou sim, ciumenta com meus pais e meu irmão, mas não adianta, a atenção fica toda pra ele. eu não tenho nem metade de um dinheiro que possa pagar uma casa para eu morar sozinha e tbm não tenho como me sustentar, por isso ainda não saí de casa, se eu fosse embora eles não iam nem ligar. obvio que como eu ainda moro com eles, ainda cumprem suas liçoes de pais, mais o mais impportante mesmo, que é lembrar que eu tbm sou filha deles, eles não lembram ! mais mesm assim entendo q eles me amam, só não é possivel jamais, eu falar da Anna com meus pais, minha mãe tem um corpo dos sonhos, e é muito preconceituosa, vive jogando na minha cara que eu to gorda, meu pai, o preferido dele é meu irmão, ele só finge q me escuta. mas a situação com a minha familia não é a maior catastrofe, eu sou não vou me preocupar com isso ainda porque, não atingi o meu objetivo ! mas linda, eu gostei muito de saber que vc me apoia, gosto muito dos seus conselhos, prometo que quando eu melhorar meu humor, vou sim tentar me reaproximar deles. bjão !! :D

      Excluir

Deixe a sua opinião, é muito importante para mim !!!